OMS passará por reformas

The Hill - Tradução César Tonheiro

19/06/2020




Relatório: Alto oficial diz que governos europeus estão trabalhando com os EUA para revisar a OMS

19/06/20 por Marty Johnson


Os EUA e vários de seus aliados europeus estão trabalhando juntos em planos para reestruturar significativamente a Organização Mundial da Saúde,  disse uma importante autoridade europeia da saúde à Reuters.


A autoridade disse ao serviço de notícias que França, Alemanha, Itália e Reino Unido estavam conversando com os EUA para reformar a organização em um nível operacional.


Segundo o funcionário, todos os países envolvidos temem que a OMS esteja muito próxima da esfera de influência da China. 


"Estamos discutindo maneiras de separar o mecanismo de gerenciamento de emergências da OMS de qualquer influência de um único país", disse a autoridade à Reuters.


Um ponto de mudança proposto seria tornar o sistema de financiamento de longo prazo para a OMS. No momento, a OMS tem um orçamento de dois anos. Se a OMS precisar arrecadar dinheiro por causa de uma emergência, disse o enunciador, "poderá prejudicar a independência da OMS".


O presidente Trump tem sido um franco crítico da OMS, alegando que a organização esteve muito próxima da China durante a pandemia de coronavírus. O presidente anunciou planos para interromper o financiamento da organização.


Os EUA têm sido o maior financiador da OMS, pagando quase 15% de seu orçamento de US $ 5,6 bilhões para 2018-19. Os países europeus pagaram cerca de 11% do orçamento, enquanto a China pagou apenas 0,2%.



https://thehill.com/policy/international/europe/503529-report-top-official-says-european-governments-working-with-us-to

© Todos os Direitos Reservados - heitordepaola.online

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube