Obrigado, Trump

- CAUSA OPERÁRIA - 18 Jan 18, 2021 -

EDUARDO VASCO -


Protesto contra o assassinato de George Floyd. Minneapolis, 28 de maio de 2020 | Foto: Julio Cortez/AP Photo

Ao contrário da esquerda pequeno-burguesa, movida a emoções e sem qualquer entendimento racional da realidade, não achamos que Trump tenha sido o pior presidente da história dos EUA. Isso porque, como marxistas, enxergamos através do ponto de vista da classe operária, dos explorados e oprimidos do mundo todo.



Trump não iniciou nenhuma guerra em seu mandato. Uma coisa é sua retórica fascista, outra é sua prática que pode ser considerada até mesmo pacifista se comparada à de seus antecessores (e à de seu sucessor, Joe Biden). Nos últimos 100 anos, Trump foi um dos poucos presidentes dos EUA a não iniciarem uma única guerra. Esse é um dos motivos pelos quais não é tolerado pelo imperialismo.


Trump abriu os olhos de milhões de pessoas ao redor do mundo. Não ele, em si, mas a situação em que ele está envolvido como protagonista. Ele é reflexo da crise capitalista que se expandiu em 2008 a partir dos EUA para o mundo todo, e que tornou-se desde 2020 ainda mais profunda.


Essa crise, que levou à quebra de inúmeras empresas e bancos, obrigou o imperialismo a lançar mão de uma política de terra arrasada sobre os países atrasados. Impôs golpes de Estado, invasões e guerras para pilhar todos os recursos desses países a fim de resgatar ao menos alguma parcela de seus lucros. Isso resultou na implantação de regimes de extrema-direita ditatoriais ou semiditatoriais em diversos países, alçados ao poder por meio da promoção de movimentos de tipo fascista pelo imperialismo, com muito financiamento dos bancos e monopólios empresariais.


LEIA MAIS (COM A DEVIDA ATENÇÃO):

https://www.causaoperaria.org.br/obrigado-trump/


28 views0 comments

Related Posts

See All