Gigante marítima alemã Hapag-Lloyd aumentou dez vezes seus lucros

- THE EPOCH TIMES - Tom Ozimek - Tradução Cesar Tonheiro - 12 NOV, 2021 -

A gigante marítima alemã Hapag-Lloyd relatou um aumento de mais de dez vezes nos lucros nos últimos nove meses, citando taxas de frete recordes em meio à escassa capacidade de transporte e forte demanda.


A quinta maior operadora do mundo disse em um relatório de lucros de 12 de novembro que o lucro líquido subiu para US $ 6,41 bilhões nos nove meses entre janeiro e setembro de 2021, ante US $ 616 milhões no mesmo período de 2020.


A empresa atribuiu o aumento nos lucros principalmente às taxas de frete mais altas, impulsionadas pela “demanda persistentemente alta por transporte de contêineres”, juntamente com a escassa capacidade de transporte.


As taxas médias de frete aumentaram 66% para US $ 1.818 por unidade de contêiner padrão equivalente de 20 pés (TEU) no período de janeiro a setembro de 2021 em comparação com o mesmo período do ano passado.


“Apesar de todos os desafios operacionais, alcançamos um resultado extraordinariamente forte em nove meses”, disse Rolf Habben Jansen, CEO da Hapag-Lloyd, em um comunicado, no qual acrescentou que as cadeias de suprimentos globais permanecem “sob enorme pressão”.


“Infelizmente, isso também cria encargos operacionais adicionais para transportadoras, portos e terminais — mas, o mais importante, para clientes em todo o mundo”, disse Jansen.


Jansen disse que sua empresa faria "tudo ao nosso alcance" para ajudar a resolver congestionamentos nos portos e outros gargalos de transporte "por meio de investimentos direcionados e gerenciamento de capacidade flexível".


Em uma teleconferência de resultados, Jansen disse aos analistas que maior eficiência poderia diminuir o tempo de espera nos portos e ajudar a aliviar alguns dos problemas de fornecimento.


“Muito que pode ser feito ainda em termos de eficiência, não apenas no lado do terminal, mas também na capacidade de entregar caixas aos clientes”, disse Jansen durante a ligação.


“Isso nos permitiria livrar-nos de parte do congestionamento”, disse ele sobre as interrupções resultantes de surtos inesperados de demanda, escassez de mão de obra e congestionamentos no tráfego em meio à pandemia do coronavírus.


O governo Biden anunciou recentemente um plano multibilionário para aliviar os gargalos imediatos da cadeia de abastecimento nos portos como parte dos esforços para lidar com a potencial escassez de mercadorias e aumentos de preços que levam à temporada de férias. O plano inclui a aceleração das concessões de infraestrutura portuária e novos projetos de construção para navegação costeira, vias navegáveis interiores e portos de entrada terrestres (porto-seco/EAD).


Os principais portos dos EUA estão registrando volumes recordes de contêineres, com alguns navios ainda esperando para atracar. Juntamente com a escassez de mão-de-obra, isso levou a custos mais elevados para o transporte de mercadorias, ajudando a elevar a inflação a níveis máximos em várias décadas. O relatório mais recente do índice de preços ao consumidor (IPC) do Bureau of Labor Statistics mostrou que a taxa de inflação dos preços ao consumidor ao longo do ano aumentou 6,2%, a maior leitura em quase 31 anos.


Isso ocorre em um momento em que as águas da costa do sul da Califórnia continuam registrando um número recorde de navios de carga esta semana.


PUBLICAÇÃO ORIGINAL >

https://www.theepochtimes.com/shipping-firm-hapag-lloyd-profits-surge-tenfold-as-supply-crunch-sends-freight-rates-soaring_4100768.html


Acesse a minha HOME PAGE, para assistir meus vídeos e ler meus livros: https://www.heitordepaola.online/


4 views0 comments