EUA: vendas de armas de fogo continuam aquecidas

THE EPOCH TIMES - 7 MAIO - Zachary Stieber - Tradução César Tonheiro -


O número de armas compradas no mês de abril ultrapassou qualquer abril registrado, de acordo com uma análise de dados de certificação de antecedentes do FBI.


Mais de 3,5 milhões de verificações foram feitas ao longo do mês, de acordo com os dados recentemente divulgados de verificação de antecedentes do NCIS.


As verificações de antecedentes são feitas para permitir a compra de armas de fogo.


A National Shooting Sports Foundation (NSSF), uma associação comercial da indústria de armas de fogo, disse que os números ajustados mostram que 1,69 milhão de registros foram feitos para a compra de armas. Isso é um recorde para o mês de abril, um aumento de quase 1 por cento em relação a abril de 2020.


As compras de armas dispararam em março de 2020 quando o país entrou em bloqueio devido à pandemia COVID-19 e permaneceram em níveis sem precedentes desde então, disse Mark Olivia, diretor de relações públicas da fundação, ao Epoch Times por e-mail.


As vendas em cada mês variaram entre 1,5 milhão e 2 milhões por mês, impulsionadas em parte por compradores iniciantes.


“As vendas de armas de fogo permanecem elevadas em duas questões distintas. Os americanos estão comprando armas de fogo por questões de segurança pessoal e pelos esforços da Casa Branca e do Congresso em limitar e negar a possibilidade de comprar certas armas. As contínuas declarações de controle de armas do presidente Biden, muitas das quais foram verificadas e desmentidas como falsas, estão impulsionando as vendas”, disse Olivia.


A administração do presidente Joe Biden fez do controle de armas um foco importante e está tentando convencer o Congresso a aprovar várias medidas que restringiriam a posse de armas.


Nesse ínterim, o democrata anunciou no mês passado uma série de ações executivas, incluindo instruir o Departamento de Justiça a emitir uma regra destinada a conter a disseminação das chamadas Ghost Guns (armas fantasmas), ou armas montadas de kits faça-você-mesmo.


Os republicanos em nível municipal, estadual e federal prometeram desafiar as medidas de Biden e estão tendendo na direção oposta ao apresentar e aprovar projetos de lei que afrouxariam as restrições.


As verificações de antecedentes do FBI feitas em abril são uma queda em relação aos quase 4,7 milhões de verificações feitas em março, que foram um recorde. Naquele mês, foram registrados 2 milhões de licenças para compras de armas, o segundo maior total da história, atrás dos 2,3 milhões de registros de armas realizados em março de 2020.


Os números ajustados do NSSF não consideram as situações em que um titular de licença habilitado que passou por uma verificação de antecedentes para obter a licença a usa para comprar uma arma sem a adicional verificação de antecedentes separadamente. Metade dos estados dos EUA atualmente permite tais situações.


A grande maioria das verificações gerais de 2021 até 30 de abril foi solicitada em Illinois, de acordo com dados do bureau. Os 4,2 milhões de verificações no estado estão muito além de qualquer outro estado, com Kentucky vindo em segundo lugar, com 1,1 milhão.


CURIOSO COM AS FOTOS ABAIXO? Acesse a Home Page aqui.

PUBLICAÇÃO ORIGINAL:

https://www.theepochtimes.com/more-guns-bought-in-april-in-us-than-any-april-before_3806504.html

10 views0 comments