Entrevista: “Dólar está mais para R$ 7 do que R$ 5, e Lula piora tudo”, diz trader da Infinox Capita

MONEY TIMES - 8 MAR, 2021 -

Márcio Juliboni -


Um fantasma ronda o mercado: Lula presidenciável pressiona ainda mais o câmbio (Imagem: REUTERS/Amanda Perobelli)

Com a experiência de quem opera, todo dia, os mercados futuros de câmbio, Victor Hugo Cotoski anda cada vez mais intrigado com o otimismo de investidores e gestores brasileiros. “Realmente, não entendo por que falam tanto de que o dólar baixará para R$ 4,80 ou R$ 5 até o fim do ano”, afirma, em conversa com o Money Times.


Para Cotoski, há uma tendência clara de que o real se deprecie, diante do dólar, e não o contrário. Embora brasileiro, o executivo vive em Londres e é o responsável pelos negócios da Infinox Capital na América Latina. A empresa é uma das maiores formadoras de mercado de câmbio e contratos futuros de moedas do mundo, com operações em 15 países.


Entre os grandes clientes de Cotoski, está a B3 (B3SA3). Há um ano, a Infinox foi selecionada pela dona da bolsa brasileira para ser a formadora de mercado de contratos com títulos americanos de dez anos (os famosos Treasuries) e dólar futuro.


Com o acordo, tornou-se possível, aos investidores brasileiros,

negociar uma cesta de moedas estrangeiras em relação ao dólar.








LEIA MAIS:

https://www.moneytimes.com.br/entrevista-dolar-esta-mais-para-r-7-do-que-r-5-e-lula-piora-tudo-diz-trader-da-infinox-capital/





9 views0 comments