Em breve, BRF vai vender carne cultivada em laboratório

- SEU DINHEIRO - 4 Mar, 2021 -

Ivan Ryngelblum -


Imagem: Shuttertstock

Empresa assina memorando de entendimentos com startup israelense que desenvolve e produz carne a partir de células de boi


Você já considerou a possibilidade de comer carne produzida em laboratório? Pois saiba que, no futuro próximo, existirá a possibilidade de encontrar um produto da BRF (BRFS3) cuja proteína não vem do abate de um animal, mas do cultivo de suas células.


Para tornar esta intenção em realidade, a companhia assinou um memorando de entendimento com a startup israelense Aleph Farms para usar as patentes dela para desenvolver e produzir carne cultivada em laboratório.


O acordo prevê ainda que a BRF terá exclusividade na distribuição da proteína desenvolvida pela Aleph Farms no Brasil.


Em seu site, a startup explica que o processo consiste em isolar células de um boi saudável, sem realizar qualquer mudança em sua genética, para desenvolver a carne. A vantagem, segundo ela, é que a técnica utiliza uma fração dos recursos necessários para desenvolver um animal inteiro e o bife é livre de antibióticos.


A Aleph Farms afirma que na técnica tradicional são necessários dois anos entre a criação e o abate do boi, enquanto ela consegue produzir a carne entre três e quatro semanas.


Parte da visão para o futuro


A BRF informou que a parceria com a Aleph Farms está em consonância com o plano “Visão 2030”, que tem como meta aumentar em mais de 3,5 vezes seu lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) e alcançar uma receita líquida de mais de R$ 100 bilhões até o final de 2030.



LEIA MAIS:

https://www.seudinheiro.com/2021/empresas/brf-carne-laboratorio/


6 views0 comments