Crescimento no emprego dos EUA supera as expectativas

- THE EPOCH TIMES - 9 Set, 2020 -

Tom Ozimec - Tradução César Tonheiro



As vagas de emprego aumentam em 10%, para 6,6 milhões, superando as expectativas

9 de setembro de 2020 por  Tom Ozimek


As vagas de emprego nos Estados Unidos, que são uma medida da demanda por trabalho, aumentaram 10% para 6,6 milhões em julho, enquanto o número de pessoas que abandonaram seus empregos aumentou 2,1% entre junho e julho, sugerindo um aumento na confiança de encontrar trabalho.


A Pesquisa de Vagas e Rotatividade de Trabalho (JOLTS) do Departamento de Trabalho, divulgada quarta-feira, mostrou que o número de vagas de emprego saltou de 617 mil para 6,6 milhões no último dia de julho, acima dos 6 milhões que os economistas pesquisados pela FactSet previram.


A indústria viu um aumento de 17,9% nas vagas de emprego. Os setores que tiveram os maiores aumentos nas vagas foram o comércio varejista (172.000), saúde e assistência social (146.000) e construção (90.000). O mercado imobiliário dos EUA, em particular, mostrou notável resiliência em meio ao surto do vírus do Partido Comunista Chinês (PCC) , com um relatório de agosto do US Census Bureau (pdf) mostrando licenças de construção, um indicador de atividade futura, subindo 18,8% de Junho a julho. Enquanto isso, o início de moradias aumentou 22,6% entre junho e julho. Em outro sinal de que a recuperação econômica pode estar ganhando velocidade, as vendas de casas nos Estados Unidos aumentaram a uma taxa recorde pelo segundo mês consecutivo em julho.


O relatório JOLTS de quarta-feira mostrou que as vagas eram mais altas no comércio, transporte e serviços públicos (1,292 milhão), seguido por educação e serviços de saúde (1,262 milhão) e serviços empresariais e profissionais (1,2 milhão), com todas as três categorias apresentando crescimento a partir do mês anterior.


O número de pessoas que abandonaram voluntariamente seus empregos aumentou de 344.000 para 2,9 milhões, uma medida normalmente interpretada como um sinal de confiança na capacidade de encontrar um emprego melhor. Em meio à pandemia, no entanto, um aumento dessa medida também pode sugerir que as pessoas deixam seus empregos por medo de exposição ao vírus. O relatório do JOLTS mostrou que 152.000 trabalhadores deixaram seus empregos no setor de varejo, enquanto no setor de serviços profissionais e empresariais, saíram 98.000 trabalhadores.


O mercado de trabalho vem apresentando uma recuperação gradual desde a paralisação econômica associada à contenção do vírus PCC. Depois que os bloqueios causados pela pandemia levaram o emprego não-agrícola a cair em 701.000  em março  e despencar em 20,5 milhões  em abril, uma queda recorde, a economia continuou a criar empregos. Dados recentes do Departamento do Trabalho mostram (pdf)  que a taxa de desemprego em agosto caiu 1,8 pontos percentuais para 8,4%, enquanto a economia criou 1,4 milhão de empregos. Isso ocorre devido ao aumento do emprego da folha de pagamento não agrícola em 1,8 milhão  em julho, 4,8 milhões  em junho e 2,5 milhões  em maio, elevando o total de empregos criados nos últimos 4 meses para um recorde de 10,5 milhões.


ARTIGO ORIGINAL:

https://www.theepochtimes.com/job-openings-surge-by-10-percent-to-6-6-million-topping-expectations_3493679.html

© Todos os Direitos Reservados - heitordepaola.online

  • Facebook
  • Twitter
  • YouTube