Cadeias de suprimentos em todo o mundo mudando para o modelo 'just-in-case': SAP

- THE EPOCH TIMES - Naveen Athrappully - TRADUÇÃO E COMENTÁRIO CÉSAR TONHEIRO - 9 JUN, 2022 -

Um caminhão passa por pilhas de contêineres no porto de Oakland, em Oakland, Califórnia, em 20 de maio de 2022. (Justin Sullivan/Getty Images)

Sair do sistema “just-in-time” (JIT) para ingressar no sistema “just-in-case” (JIC) é sem dúvida uma tarefa hercúlea e posso assegurar que poucos segmentos — mas muito poucos mesmo — estão preparados para tamanha façanha.


Mister ter em conta que as empresas de modo geral estão fortemente alavancadas. Há momentos em que o "produto" mais caro é o dinheiro, e se a rolagem da dívida está insuportável com a elevação do juro, então se pode imaginar o custo para se adotar o just-in-case.


Esse é apenas um detalhe nesse metiê e há outros entraves que incorrem na abdicação do just-in-time. É imperativo lembrar que invariavelmente grande parcela dos manufaturados estão se tornando obsoletos em períodos cada vez menores.


Segue o féretro…


As cadeias de suprimentos globais estão mudando seus modelos de estoque, passando de modelos “just-in-time” (JIT) para modelos “just-in-case” (JIC) em meio a interrupções e incertezas no fornecimento, de acordo com a SAP UK.


Quase todas as organizações no Reino Unido admitem que sua cadeia de suprimentos precisa de melhorias, com mais da metade admitindo a necessidade de uma melhoria significativa nas cadeias de suprimentos, diz um comunicado de imprensa da SAP de 8 de junho .


CLIQUE AQUI E CONHEÇA OS LIVROS DE MINHA AUTORIA >>>

https://www.heitordepaola.online/meuslivros


Desde a pandemia do COVID-19, 66% das empresas do Reino Unido sofreram atrasos na produção e entrega de bens e serviços. Enquanto 64% sofreram perda de receita, 58% testemunharam uma perda de clientes. Nessas circunstâncias, 84% das empresas estão planejando passar de um modelo JIT para uma cadeia de suprimentos JIC.


No modelo JIT, as empresas só recebem estoques quando são necessários para a produção. Em contraste, a JIC acumula estoques muito antes do tempo.


Embora os modelos JIT reduzam ao máximo o desperdício na fabricação, o objetivo do JIC é garantir que haja chances mínimas de estoques baixos para evitar atrasos nos cronogramas de produção. Quase 1/4 das empresas espera que os problemas da cadeia de suprimentos durem até o verão de 2023, de acordo com a SAP.


Falando ao Supply Chain Digital, um portal dedicado à indústria da cadeia de suprimentos, o diretor administrativo da SAP UK & Ireland, Michiel Verhoeven, destacou que, nas últimas décadas, o gerenciamento da cadeia de suprimentos se concentrou no custo, priorizando manter os estoques enxutos e rápidos. Isso é diferente de “ser ágil e resiliente”, afirmou.


CLIQUE AQUI E CONHEÇA OS LIVROS DE MINHA AUTORIA >>>

https://www.heitordepaola.online/meuslivros


“Com o fim dos modelos JIT, as empresas precisam começar a colocar as mesmas expectativas em sua cadeia de suprimentos e em seus negócios mais amplos, estruturando-se para serem JIC, para que, quando ocorrer um desastre, possam se adaptar. Aqueles que não fizerem essa mudança terão 18 meses muito difíceis”, disse Verhoeven.


Nos Estados Unidos, a Casa Branca anunciou recentemente a nomeação do general aposentado Stephen R. Lyons como o novo enviado portuário e da cadeia de suprimentos para a Força-Tarefa de Interrupções da Cadeia de Suprimentos da Administração Biden-Harris. A força-tarefa foi criada em junho do ano passado para resolver os desequilíbrios de oferta e demanda.


“As cadeias de suprimentos globais permanecerão frágeis enquanto a pandemia continuar atrapalhando portos e fábricas em todo o mundo, e ainda há muito trabalho para reduzir os atrasos e custos de remessas para as famílias americanas”, disse o secretário de Transportes Pete Buttigieg em um comunicado à imprensa em 27 de maio. pelo Departamento de Transportes dos Estados Unidos.


De acordo com Brandon Daniels, executivo-chefe da Exiger, que desenvolveu um software para analisar e remodelar as cadeias de suprimentos, a exclusão da Rússia das cadeias de suprimentos globais complicou os problemas existentes. Os sistemas de entrega JIT podem estar chegando ao fim, disse ele ao The Guardian .


“A diversificação de nossas cadeias de suprimentos é fundamental para nossa prosperidade econômica e segurança nacional”, disse Daniels. “Acho que você verá revisões substanciais nos modelos de entrega just-in-time, levando a um melhor gerenciamento de armazém e estoques mais longos que mitigam o risco de escassez de material.”


Naveen Athrappully é um repórter que cobre eventos de negócios e mundiais no Epoch Times.


PUBLICAÇÃO ORIGINAL >

https://www.theepochtimes.com/supply-chains-worldwide-shifting-toward-just-in-case-model-sap_4522617.html


CLIQUE AQUI E CONHEÇA OS LIVROS DE MINHA AUTORIA >>>

https://www.heitordepaola.online/meuslivros


23 views0 comments

Related Posts

See All