Caças stealth, porta-aviões e bases em ilhas – o Japão está erguendo uma parede no Mar da China

- CAVOK - 24 JUL, 2021 - Fernando Valduga -

A Força de Autodefesa Aérea do Japão planeja basear 20 de seus novos jatos furtivos F-35B na Base Aérea de Nittahara, na província de Miyazaki, na ilha japonesa de Kyushu.


Mas não conte com os caças stealth monomotores passando muito tempo em Nittahara. Autoridades locais disseram ao jornal Miyanichi Press que alguns dos jatos de decolagem curta e pouso vertical (STOVL) embarcarão no novo porta-aviões Kaga, enquanto outros serão implantados em uma ilha que os militares japoneses estão construindo em Mageshima, ao sul das ilhas.


Os destacamentos duplos – para Mageshima e Kaga – são centrais para os planos de guerra de Tóquio. Pense no posto avançado da ilha como um porta-aviões inafundável. O porta-aviões, por sua vez, é uma ilha móvel.


Em caso de guerra com a China por causa de Taiwan ou alguma ilha disputada, os F-35s voando da ilha e o porta-aviões poderiam fazer parte de uma barreira de aço entre o Mar da China Oriental e o Mar das Filipinas.


Aviões de guerra americanos e japoneses voando de Okinawa e outras bases da ilha, mais ao sul, formariam o resto da barreira ao lado dos submarinos americanos e japoneses e do navio irmão de Kaga, Izumo.


LEIA MAIS:

https://www.cavok.com.br/cacas-stealth-porta-avioes-e-bases-em-ilhas-o-japao-esta-erguendo-uma-parede-de-aco-no-mar-da-china-oriental


Para acessar o Conteúdo acima, acesse a Home Page aqui. https://www.heitordepaola.online/


12 views0 comments